Como se tornar um Micro empreendedor Individual

O Micro empreendedor Individual, conhecido também como MEI, é o profissional que trabalha como autônomo e se torna um empresário quando se legaliza.

De acordo com os critérios estabelecidos pelo Governo Federal, O MEI deve faturar no máximo R$60 mil por ano e não ser sócio ou dono de qualquer outra empresa. Dentre os vários benefícios, como acesso facilitado ao crédito, o MEI também pode ter até um empregado contratado, recebendo o piso da categoria (ou salário mínimo), tudo isso dentro da lei.

Além de aprender como se tornar um micro empreendedor individual, apresentaremos ainda as vantagens, como conseguir crédito e tudo que você precisa saber para ser um empresário legalizado.

Vantagens de ser Micro empreendedor Invidual

Quando você deixa de ser autônomo e passa a ser um MEI, automaticamente é gerado um CNPJ (Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica), o que lhe permite comprar com descontos de fornecedores e ter acesso ao crédito destinado a pessoas jurídicas. Tudo isso por apenas uma taxa que varia de R$34,90 a R$39,90, dependendo da sua área de atuação.

plantar-dinheiroOutra vantagem na formalização é o pagamento automático do INSS. Você estará contribuindo para a sua aposentadoria, e caso, tenha um funcionário contratado, ele também contribuirá. Ao pagar o INSS, as vantagens são inúmeras: auxílio maternidade, auxilio doença, aposentadoria, etc.

O acesso ao crédito é facilitado ao novo pequeno empreendedor. Uma parceria feita pelo BNDS com a Caixa Ecônomica e o Banco do Brasil, oferece crédito de até 15 mil para o micro empreendedor com taxas abaixo de 10% ao ano. Se comparar com as taxas normais de 60% ao ano, esta parceria é sem dúvidas um grande avanço ao micro empreendedor.

Como se Tornar um Micro empreendedor Individual

Se você deseja formalizar o seu negócio e tem dúvidas de como se tornar um micro empreendedor individual, veja o passo a passo a seguir:

1- Clique em  Micro empreendedor Individual.

2- Digite o seu CPF e data de nascimento

3- Informe os dados pedidos

Antes de iniciar o processo, esteja em mãos com os seus documentos pessoais e já tenha um plano de negócios bem definido para a sua empresa, isso lhe ajudará a encontrar as categorias de atuação adequadas ao seu negócio.

Quem Pode se Tornar um Micro empreendedor Individual

Todos que exerçam as atividades permitidas e faturam até 60 mil ao ano, não tenham participação como dono ou sócio em outra empresa, podem se tornar micro empreendedor individual. Veja algumas das principais atividades contempladas para o micro empreendedor individual:

  • Agente de viagens
  • Artesão
  • Barbeiro
  • Cabeleireiro
  • Caminhoneiro
  • Carpinteiro
  • Comerciantes
  • Costureiro
  • Depilador
  • Dublador
  • Editor
  • Eletricista
  • Fabricante de diversos itens
  • Fotógrafo
  • Funileiro
  • Instalador
  • Instrutor de cursos
  • Locador de objetos
  • Maquiador
  • Motoboy
  • MotoTaxista
  • Padeiro
  • Pedreiro
  • Pintor
  • Professor particular
  • Proprietário de Restaurante
  • Proprietário de Lan House
  • Taxista
  • Técnico de Computador
  • Vendedor ambulante

Estes são apenas alguns exemplos de profissões contempladas no programa de Micro empreendedores Individuais, você pode conferir a lista completa no site do Portal do Empreendedor.

Crédito ao Microempreendedor Individual

Para começar o seu negócio ou expandi-lo, você tem direito ao crédito destinado a micro empreendedores individuais. Na  Caixa, o micro empreendedor pode pegar um valor mínimo de R$300,00 e máximo de R$15 mil e paga em até 24 vezes, sem carência.

conseguir-credito-pessoal-problemas-bancariosSe comprovado o aumento da capacidade de pagamento, a Caixa pode liberar um valor ainda maior para o seu empréstimo. Este crédito é conhecido como Microcrédito e é destinado exclusivamente para micro empreendedores para adquirirem equipamentos, matéria-prima, capital de giro ou melhorar a infraestrutura do negócio.

Este microcrédito é parte do programa Crescer, lançado pelo Governo Federal para atender micro empreendedores. Você pode ter acesso a ele também no Banco do Nordeste, no Banco do Brasil e no Banco da Amazônia.

No Banco do Brasil, o micro empreendedor pode pagar o valor em até 36 meses. Enquanto no Banco da Amazônia, o projeto implementado junto ao Amazônia Florescer, oferece crédito em até 0,6% ao mês para os microempreendedores.

Agora que você já sabe como se tornar um Micro empreendedor indivual, não perca mais tempo e legalize, além de taxas baixíssimas de impostos (menos de R$40 ao mês) e acesso ao crédito com juros pequenos, você terá muitos outras vantagens. Invista o seu dinheiro em um negócio lucrativo e legalizado.

Leave a Reply